Vídeos do Vitória

11 de maio de 2011

Vitória confirma bela campanha e conquista o título de campeão baiano sub-20 no clássico disputado no Estádio Manoel Barradas

Vitória confirma bela campanha e conquista o título de campeão baiano sub-20 no clássico disputado no Estádio Manoel Barradas

É campeão! Aos 50 minutos, o árbitro Carlos Alberto de Souza Vila Nova apitou encerrando o clássico, e o grito que era tímido ficou forte e límpido. O Vitória ao empatar de 0 a 0 com o rival Bahia coroou a bela campanha e conquistou com méritos o título de campeão baiano nesta quarta-feira, à tarde, no Estádio Barradão.

A chuva, que pela manhã castigou Salvador, impediu que um público maior comparecesse ao Barradão para a grande final. Quase 1,5 mil pessoas – 1 mil e 47 – assistiram ao clássico disputado com muito equilíbrio.

Por ter realizado melhor campanha ao longo da competição, o Vitória chegou às finais com vantagem. Empatou sábado o jogo de ida, por 1 a 1, no Estádio Governador Roberto Santos, e nesta quarta-feira garantiu o título com o 0 a 0.

Em quatro jogos pelo Campeonato Baiano, o rubro-negro venceu o rival duas vezes – 1 x 0 e 2 x 0 na primeira fase – e empatou os dois das finais. O Vitória vingou a eliminação da Copa São Paulo, quando perdeu nos pênaltis o direito de avançar às semifinais.


Antonio Lopes
O técnico Antonio Lopes assistiu atentamente à decisão, acompanhado do assistente Miguel Ferreira, e parabenizou o diretor da Divisão de Base, Epifânio Carneiro, pela conquista do título.

Oito jogadores que atuaram na final já defenderam o time profissional este ano sob comando de Lopes: os zagueiros Dankler e Alan Henrique, os volantes Edson Magal, Lucas Garcia e Duylio, os meias Felipe e Arthur Maia e o atacante Alan Pinheiro. Duylio, inclusive, jogou a primeira partida da final, domingo, contra o Bahia de Feira.

O jogo
Mesmo prejudicado pelo campo escorregadio, o Vitória, cujo time é bastante técnico, encontrou dificuldades para tocar a bola. Porém, soube controlar o jogo e segurar o desespero do adversário, que a todo custo tentou o gol que lhe garantiria o título.

O Vitória soube usar a vantagem obtida pela campanha de 13 triunfos, cinco empates e somente duas derrotas nas três primeiras fases, e sair de campo com o troféu entregue pela sub-diretora técnica da FBF (Federação Bahiana de Futebol), Taíse Galvão, e pelo presidente da CEAF (Comissão Estadual de Árbitro de Futebol), o ex-árbitro Wilson Paim.

Festa
Os jogadores embalados pelo hino oficial do clube deram a volta olímpica com o troféu e comemoraram com os torcedores.

O título foi comemorado em uma churrascaria da cidade, logo após a realização do jogo, com a presença dos atletas, comissão técnica, dirigentes e convidados.


Campanha
Na 1ª fase, o Vitória marcou 26 pontos em 12 jogos (36 pontos disputados), com 31 gols a favor e cinco contra, 72.22% de aproveitamento.
Os jogos
1 x 1 Colo Colo
0 x 0 Colo Colo
6 x 0 Juazeiro
1 x 2 Juazeiro
3 x 0 Conquista
3 x 0 Conquista
7 x 1 Bahia de Feira
5 x 0 Bahia de Feira
2 x 0 Bahia
1 x 0 Bahia
2 x 0 Atlético
0 x 1 Atlético
Na 2ª fase, foram seis jogos, 14 pontos ganhos, quatro triunfos e dois empates, 19 gols a favor e quatro contra, 77.78% de aproveitamento.
Os jogos
0 x 0 Fluminense
2 x 0 Fluminense
8 x 0 Serrano
4 x 1 Serrano
3 x 1 Feirense
2 x 2 Feirense
Nas semifinais, o time rubro-negro conquistou quatro dos seis pontos disputados, marcou quatro gols e sofreu dois, com 66.67% de aproveitamento.
Os jogos
0 x 0 Colo Colo
4 x 2 Colo Colo
Nas finais, o rubro-negro empatou os dois jogos, conquistando dois pontos e teve um aproveitamento de 50%.
Os jogos
1 x 1 Bahia
0 x 0 Bahia

Artilheiros
Os principais artilheiros do Vitória na competição são: Leilson (artilheiro do campeonato), 11 gols; Alan Pinheiro e Felipe, 8; Davi, 5; Arthur Maia e Araújo, 4.

VITÓRIA 0 x 0 BAHIA

Jogo final/Campeonato Baiano/Sub-20

VITÓRIA
Gustavo, Dimas, Dankler, Alan Henrique e Iuri; Lucas Garcia, Duylio, Davi (Arthur Maia) e Felipe; Leilson (Jefferson) e Alan Pinheiro (Edson Magal)
Técnico: Carlos Amadeu

BAHIA
Renan, Madson, Beton, Laércio e Jussandro; Robinho, Lenine (Anderson), Filipe (Ítalo) e Fábio; Rafael e Igor
Técnico: Laelson Lopes

Local: Estádio Manoel Barradas, em Salvador (BA)
Horário: 15h
Árbitro: Carlos Alberto de Souza Vila Nova (FBF)
Assistentes: Elicarlos Franco de Oliveira (FBF) e Dijalma Silva Ferreira (FBF)
Cartão amarelo: Gustavo, Arthur Maia, Dankler (Vitória) e Laércio (Bahia)
Renda: R$7.830,00
Público: 933 pagantes

http://www.ecvitoria.com.br/site/noticias/detalhe.jsp?CId=15045

Seja o primeiro a comentar

Postar um comentário

GloboEsporte - Vitória

Marketing ECVitória

UOL Esporte - Vitória

LeãodaBarra.com

GazetaEsportiva.net - Vitória

Terra Esportes - Vitória

Fanáticos por Futebol - Vitória

ESPN.com.br - Vitória

iG Esportes - Vitória

Links

FutebolBahiano.com

FutebolBaiano.net

BahiaNotícias - Esportes

iBahia - Esportes

Itapoan On-LINE - Esportes

Aratu Online - Esportes

A Tarde On Line - Esporte

Correio* - Esportes

Blog do GE - Larissa Dantas

Victoria Quae Sera Tamen - Franciel

Eu Sou Vitória - Fábio Monteiro

Vitória - Reinaldo Oliveira

ECV News

ECV 1899

Arena Rubro Negra

Leão Minha Paixão - Valmerson

Viáfara Paredão

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO